Uncategorized

A resposta do Irã à canetada de Trump

O ministro das relações internacionais do Irã soltou comunicado a respeito do decreto-lei assinado por Trump no dia 27 de janeiro que proíbe a entrada de cidadãos islâmicos de sete países em solo americano.

A julgar pelo tom da carta, se a intenção de Trump com a canetada era a de fazer com que acreditássemos que com a proibição ele estaria transformando os Estados Unidos em uma nação mais segura, a ideia do Grande Líder nasce morta (ainda que saibamos que as raízes da decisão sejam outras e envolvam aspectos como ignorância, arrogância e nível avançado de desordem mental).

Logo no começo do comunicado o ministro do Irã diz que a decisão do governo americano é um “claro insulto ao mundo islâmico”, e que a iniciativa será lembrada pela história como “um presente a extremistas e simpatizantes”.

E, mostrando ao mundo que sobra aos líderes iranianos a lucidez que falta aos líderes americanos, segue: enquanto a comunidade internacional precisa de diálogo para alcançar as raízes da violência e do extremismo de forma abrangente e inclusiva (…) a imprudente decisão [do governo americano] de aplicar discriminação coletiva a cidadãos de nações muçulmanas vai apenas oferecer solo fértil para mais recrutamento de terroristas.

O ministro termina dizendo que a decisão incorpora aspectos ilegais e ilógicos, além de opostos às leis internacionais.

Vai ficando bastante claro quem é o verdadeiro inimigo do mundo livre, a despeito do que o status-quo e a mídia de massa tentem passar por verdadeiro.

E também quem representa hoje a real ameaça à segurança dos Estados Unidos e do mundo: Donald Trump.

Um pensamento sobre “A resposta do Irã à canetada de Trump

  1. Meu primeiro impulso foi sair logo com um “Bem feito! Terão o que merecem, esses arrogantes”, mas esta reação seria igualmente insana e infantil, seria mais um eco à demência do tirano alaranjado, que enxerga (sigh) só um lado das coisas – o dele.
    Bela e lúcida resposta, no entanto, a do ministro das relações internacionais do Irã. É o que se espera de um governo maduro.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s