Comportamento/Economia/Política/Vida

O capitalismo não tolera a democracia

Se uma decisão afeta a sua vida você tem o direito a participar dela, diz o mais básico conceito democrático. Todos aqueles que juram amor eterno aos valores da democracia sabem que a ausência de democracia é ter que conviver com decisões que você não ajudou a tomar.

Diante dessa premissa, e assistindo passivamente tantas e históricas conquistas sociais serem jogadas no lixo, é possível afirmar que vivemos em uma democracia?

“Ah, mas vocês elegeram esses representantes”, alegam alguns. O que elegemos, acima de tudo, foi um programa de governo, foram políticas com as quais poderíamos conviver. E é isso o que nos está sendo roubado.

Conversando com conhecidos me parece claro que muitos acreditam que capitalismo e democracia são sinônimos, e por isso têm arrepios se escutam falar de socialismo ou comunismo, achando que, sendo capitalismo sinônimo de democracia, socialismo é sinônimo de ditadura.

Essas mentes simplórias, doutrinadas até a raiz pela propaganda e pelo noticiário, não são capazes de entender a gravidade do momento, muito menos perceber que a vida delas está prestes a virar de pernas para o ar com a perda de tantos direitos trabalhistas.

Cegas pelo véu da ignorância, se recusam a enxergar o abismo bem à frente e apenas repetem o mantra propagandista que diz que o capitalismo é irmão da democracia.

Para ajudar a entender o que está acontecendo com o Brasil e com o mundo traduzi e resumi uma palestra que Noam Chomsky deu, em 2014, a respeito do tema “Capitalismo e Democracia”.

Sobre a relação entre capitalismo e democracia:

Uma das relações entre capitalismo e democracia é a contradição. Se você ler os apóstolos do liberalismo [a ideologia dos partidos de direita que representam os interesses dos mais ricos, como PMDB e PSDB] eles não falam em democracia, mas em liberdade.

Essa liberdade a que se referem não é a liberdade de você controlar o seu trabalho e sua vida, mas liberdade de se submeter a uma autoridade maior, é isso o que os liberais chamam de liberdade.

Eles não falam em democracia. Eles não gostam de democracia. E eles estão certos: capitalismo e democracia são mesmo inconcebíveis.

Sobre o liberalismo

Os liberais [gente como Alckmin, Doria, esse pessoal do MBL etc, apenas para regionalizar a coisa] são favoráveis à tirania privada, a pior forma de tirania, a tirania da concentração privada de riqueza que não precisa prestar contas a ninguém.

Sobre regulação do mercado

O liberalismo clássico não era contra a intervenção do Estado do mercado, como o atual é. O liberalismo clássico era a favor das regulações desde que fossem em benefício do trabalhador, e contra a intervenção que beneficiava os mestres. Esse é o liberalismo clássico, não o que estamos vendo hoje.

É espantoso que estudantes se sintam atraídos pelo tipo de ideologia do liberalismo atual. Uma democracia capitalista se auto-destruirá. O capitalismo se auto-destrói.

Sobre soberania nacional

Em 1945 os Estados Unidos já dominavam a economia mundial e em fevereiro desse ano convocaram uma reunião com os países líderes do mundo ocidental a fim de pedir que todos se opusessem ao nacionalismo que nascia na America Latina, que era baseado na ideia que a população de um país deveria se beneficiar das riquezas desse pais.

Isso é diabólico para o poder econômico. Para ele, são os Estados Unidos e seus aliados que devem se beneficiar das riquezas dos outros países, e não suas populações.

Sobre o fim da democracia

Compare a opinião pública com a política pública. É uma comparação direta, existem muitas pesquisas que revelam a opinião do povo a respeito dos mais variados temas.

Os resultados mostram que os 70% mais pobre da população estão literalmente sem representação política. A opinião deles não tem nenhuma influência na criação das novas políticas. Os representantes que eles elegem não prestam nenhuma atenção neles.

Quando você vai subindo pelas camadas sociais passa a ver mais influência na política, e quando chega ao topo, ao 0,1% mais rico, onde está uma colossal concentração de renda, são eles, (os bilionários) que basicamente criam as políticas que bem entendem.

Isso não é democracia, é plutocracia.

Sobre o noticiário

É preciso um sistema educacional bastante eficaz para evitar que as pessoas enxerguem o que está acontecendo.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s